Sebollas

em

Muitos pensam que toda a história da Inconfidência Mineira está restrita ao Estado de Minas Gerais, mas há no Rio de Janeiro um episódio muito interessante que não está em evidência nos livros.  Conheça Sebollas.

Joaquim José da Silva Xavier fazia rotineiramente o caminho da cidade do Rio de Janeiro até Juiz de Fora, em Minas Gerais.  Ele percorria o caminho conhecido como Estrada Real, utilizado na época do Brasil Imperio para a rota das pedras preciosas.  No caminho ele fazia atendimentos odontológicos, por isso o apelido de Tiradentes.

Durante o episódio da Inconfidência Mineira, Tiradentes foi condenado à morte em Juiz de Fora, seu corpo foi esquartejado (cortado em várias partes) e as partes foram enterradas em diferentes locais na rota do Caminho Real.

Uma dessas localidades era o Condado de Sebollas, que atualmente se chama Inconfidência, um dos 4 distritos da cidade de Paraíba do Sul.

Dizem as lendas locais que, enquanto exercia seu ofício, Tiradentes era um grande bon vivant e seduziu as mulheres de vários poderosos da época, uma em cada localidade.  As mesmas lendas dão conta que o motivo do enforcamento de Tiradentes, na verdade, não estava relacionado aos movimentos politicos da época, mas sim, a vingança dos poderosos traídos da época, que forjaram a história da inconfidência para enfim executarem aquele que eles odiavam.

Seguindo a mesma lenda, as partes de Tiradentes foram enterradas nas terras dos poderosos traídos.  Cada um queria uma parte dele para mostrar tanto às suas mulheres infiéis quanto à sociedade o fim que teria quem tentasse novamente o mesmo crime.

Enfim, caso a lenda esteja certa, o Conde de Sebollas foi um dos maridos traídos pelo famoso inconfidente.

O osso da perna de Tiradentes foi desenterrado da propriedade do Conde de Sebollas e hoje faz parte dos artefatos expostos no Museu Tiradentes, construído na praça central de Sebollas e que aparece no vídeo acima.

Creative Digital Camera

Recomendo grandemente o passeio à localidade e consequentemente a visita ao Museu Tiradentes, que possui diversos itens típicos da época em que ele vivia na região.

O vídeo acima foi realizado no feriado de Tiradentes do ano de 2017, no momento em que filmávamos uma das atividades de celebração da data, que foi a corrida Mountain Trail Brasil, um circuito de montanha que coincidiu a data da prova com as celebrações da cidade.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s